Marcelo Murta


Nota biográfica

Doutorando em Museologia (Universidade Lusófona – Lisboa) com bolsa CAPES – Doutorado Pleno no Exterior. Possui mestrado em Cooperação Internacional e Desenvolvimento (Universidade de Cantabria, Espanha, 2013), especialização em Gestão Cultural (Centro Universitário UNA, 2008) e graduação em História – Licenciatura (Universidade Federal de Minas Gerais, 2006). Tem experiência nas áreas de História, Patrimônio Cultural, Cooperação Internacional e Museologia e de consultoria para organismos internacionais como PNUD, UNESCO e OEI.

Áreas de interesse académico e científico

  • Museologia Social
  • Cooperação Internacional
  • Políticas Públicas
  • Património Cultural
  • Políticas Culturais
  • Gestão Cultural

Projeto individual de doutoramento

Museologia Social e Políticas Públicas: desenvolvimento conceitual e práticas locais.
Título
Mário de Souza Chagas
Orientador

Resumo

A tese em desenvolvimento tomou por base experiências de Museologia Social em Portugal (Museu do Traje de São Brás de Alportel) e no Brasil (Museu de Quilombos e Favelas Urbanos) para a compreensão do fortalecimento do campo e identificação de influências e definições em documentos públicos nacionais e internacionais, a exemplo das declarações da UNESCO. A partir dessa ampla compreensão, utilizou-se a metodologia de investigação-ação para o desenho do projeto da Política Nacional de Cultura da República do Kiribati a partir de etnografia e de ações participativas junto a agentes envolvidos na área cultural, partindo todo o processo de reflexões junto a atores do Museu Nacional do país.