Valéria Godoi do Nascimento Aguiar


Nota biográfica

Graduada em Biologia pela Universidade de Pernambuco – UPE, Pernambuco. Brasil.

Pós-graduada em Ciências Biológicas pela Universidade de Pernambuco – UPE, Pernambuco. Brasil. Título: Estudo paisagístico dos liquens com estudantes do município de Paranatama – PE. Orientador. Dr. Sérgio Roberto de melo Souto.

Mestra em Ciências da Educação pela Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias – ULHT. Lisboa – PT. Título: Educação Ambiental e Sustentabilidade: Concepçãi do bioma Caatinga sob o olhar dos professores e de alunos do semiárido Pernambucano. Orientador. Dr. José Bernardino Duarte.

Doutoranda em Educação pela Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, Lisboa – ULHT. Lisboa – PT.

Atua como docente do programa de Referência Integral do Estado de Pernambuco. Secretaria de Educação de Pernambuco – Regime estatutário desde 2006.

Projeto individual de doutoramento

A ecologia do sertão de gonzaga: uma Educação entre a Topofilia e a Topofobia no semiárido.
Título
Zoran Roca
Orientador
A visão do bioma Caatinga no semiárido pernambucano, subsidiada através da análise documental das obras antológicas do importante compositor e cantor popular brasileiro Luiz Gonzaga, leva-nos a adentrar no conceito da ecologia e a investigar os sentimentos de topofilia e topofobia engendrados na concepção de estudantes e professores acerca do semiárido.Endêmica no Brasil e única no planeta, a Caatinga possui flora e fauna peculiares, sendo altamente adaptada ao calor excessivo do semiárido. “Mesmo em anos considerados normais, só por três meses as plantas são verdes. No resto do tempo, secam, evitam transpirar, se fingem de mortas” (Jordão, 2010, p. 24-25). Seu nome “caa” e “tinga” vêm do tupi, que significa mata esbranquiçada. O nome faz alusão ao aspecto da vegetação quando está em período de seca, que perde as folhagens e permanecem apenas os caules adormecidos aguardando a chuva para florescer.
Neste projeto visamos analisar, através do método da análise documental e da perspectiva da ecocrítica, às imbricações ecológicas da Caatinga presente nas obras compostas por Luiz Gonzaga e confrontá-las com a visão de alunos e professores de escolas do semiárido pernambucano acerca do semiárido. A discussão e a fundamentação desta investigação serão baseadas na perspectiva ecocrítica e na abordagem dos conceitos de topofilia e topofobia, ambos os conceitos abordados pelo geógrafo humanista Yi-Fu Tuan.
Resumo